Indicadores de desempenho imobiliário.

Uma frase atribuída a Peter Drucker é que “o que não é medido não pode ser gerenciado”. Nesse artigo vamos apresentar quais são os indicadores de desempenho imobiliário e como acompanha-los para uma performance de alto nível na gestão imobiliária.

Indicadores de desempenho imobiliário.

Nos dias atuais nunca foi tão importante e imprescindível uma imobiliária acompanhar detalhadamente seus negócios como os indicadores de desempenho imobiliário, seja de locação, venda ou condomínios.

Afinal não são todos os gestores que utilizam essas medições, seja diariamente ou periodicamente. Com isso, ensinaremos como aplica-las e principalmente entenderem a sua importância, pois são instrumentos fundamentais para o desenvolvimento de sua imobiliária.

O que vamos aprender com essa leitura:

O que são indicadores de desempenho?

Os indicadores de desempenho, são métricas que quantificam sua performance de acordo com seus objetivos traçados e período determinado.

Também conhecidos como KPIs (key-performance indicators), são ferramentas que medem os resultados das atividades estratégicas. Sendo assim, focando no “como” e indicando quão bem os processos desta imobiliária estão, permitindo que seja seus objetivos sejam alcançados.

A gestão de indicadores de desempenho pode ser direcionada para o monitoramento da evolução dos resultados da empresa e servir como referência para o processo de tomada de decisão e a criação de estratégias de melhorias.

Igualmente, são “veículos de comunicação”, pois permitem que o time de gestores de uma imobiliária comuniquem aos seus liderados o quão eficiente um processo é e como está seu desempenho ao longo de um período determinado.

Portanto cabe ao gestor/gerente da imobiliária e equipe traçarem planos de ação para o atingimento de determinadas metas ou mesmo valer-se dos indicadores para saberem se estão ou não no caminho certo.

Qual a importância para a gestão imobiliária?

Para uma boa gestão imobiliária, o gestor precisa ter em mãos dados precisos, transparentes e reais sobre seu negócio. Essa informações precisam ser mostradas por meio de relatórios e gráficos.

Entretanto, acompanhar esses indicadores também se faz necessário quanto em algum setor o desempenho não está como o planejado, para assim identificar aonde está as falhas na gestão.

Principais indicadores de desempenho imobiliário

Tempo médio de fechamento de vendas e locações:

Imobiliárias hoje possuem diversos imóveis para ofertar, mas você sabe qual é o tempo médio desde a captação até a venda ou locação?

Quanto mais tempo esse imóvel não for negociado, naturalmente mais tempo leva para se ter um retorno sobre o tempo e esforço investido. Além disso, pode ocorrer de o proprietário se “cansar de esperar” pela negociação do imóvel e tirar da administração da imobiliária.

Visitas necessárias até fechar uma venda:

Vender ou alugar um imóvel sem que um corretor leve o interessado para conhecer é praticamente impossível, sendo essa visita presencial ou através do site da imobiliária.

Por isso, acompanhar a quantidade de visitas e entender o que leva um imóvel a ser vendido é bastante importante. Sendo assim, através desse acompanhamento você sabe quantas pessoas foram efetivamente transformadas em compradores.

Taxa de Churn da administração das locações:

Churn nada mais é que o cancelamento de clientes, ou seja, quando o inquilino for sair do imóvel. Assim, o ideal é acompanhar esse índice semanalmente, para no final do mês estar precavido do que é necessário para bater as metas.

Sem dúvida quando tratamos de locação, a permanência do inquilino no imóvel afeta diretamente na sua receita em honorários. Por isso, recomendamos sempre ficar acompanhando o desempenho da carteira de locação na métrica de contratos novos x encerrados.

Ticket Médio:

O ticket médio é um parâmetro importante para o gestor imobiliário. Com ele poderá analisar se sua equipe vem atingindo as metas esperadas de vendas, locações e receitas.

Sendo assim, com essa meta de ticket médio a ser trabalhado, tanto na locação como na venda, você poderá se basear em novos negócios que sejam vantajosos e rentáveis e não fazer negociações que acabam se tornando em prejuízo.

Desempenho por categoria de imóvel:

Sua imobiliária saberia dizer qual a % de imóveis são apartamentos? E quantos são sala comerciais? Sabe me dizer qual a categoria lhe trás mais retorno?

O objetivo de acompanhar esse desempenho é de saber qual categoria de imóvel me da uma receita maior de vendas ou locações, e assim investir e aumentar minha captação desses imóveis.

Contratos novos por corretor:

Em conclusão você acompanhará os contratos novos por corretor separados por um período específico, o desempenho de cada um, por que um fez mais negócios e o outro não e os motivos.

Eventualmente, você saberá identificar qual o perfil de cada corretor e em quais imóveis ou atendimentos ele performa melhor.

Sobre a Flexpro Sistemas

A Flexpro Sistemas desenvolve o SIMOB – Sistema de Gestão para Imobiliárias .

O Simob é um software ERP para imobiliárias, com módulos totalmente integrados, permitindo o gerenciamento de diversos departamentos da sua empresa e uma gestão inteligente e segura do seu negócio.

Alcance suas metas com a ajuda de um especialista.
Deixe seus dados, nossos especialistas entraram em contato – gratuitamente.

www.flexpro.com.br

Fontes:
https://blog.fortestecnologia.com.br/veja-como-fazer-a-analise-de-indicadores-de-desempenho-financeiro/